<$BlogRSDUrl$>

terça-feira, maio 23, 2006

O meu veneno

Algumas considerações televisivas

O programa Prós e Contras da RTP1 dirigido e moderado por Fátima Campos cujo tema foi o livro "Sob o signo da verdade", do Professor Maria Carrilho, remete-me para algumas considerações:
- Não ficou provado que a Comunicação Social é vulnerável ao dinheiro, assim como também não ficou provado que não é. O livro, que devia ter sido o tema da conversa, foi remetido para plano secundário com a inclusão do famoso video familiar do antigo candidato à Presidência da Câmara Municipal de Lisboa e o famoso caso do «aperto de mão» que não se deu aquando do debate entre Carmona Rodrigues e Manuel Maria Carrilho. Foi um péssimo serviço, salvaguardando todas as teses proferidas por Pacheco Pereira e pelo jornalista da SIC Ricardo Costa. Ninguém ficou esclarecido acerca de coisa nenhuma, a não ser, uma vez mais, o retrato narcisista de um deputado À C.M.L e à Assembleia da República que não teve linguagem suficiente para esclarecer o que quer que tivesse que ser esclarecido.
Este assunto remete-me para outro, dias antes, quando no noticiário das 20:00 horas, José Rodrigues dos Santos noticia violência dos norte-americanos sobre prisioneiros em Guantanamo com imagens vistas até à exaustão em todos os canais noticiosos do planeta, da prisão de Al-Gharib, no Iraque.
Isto é desinformação e subversão ao mesmo tempo.
Ainda uma outra questão que me levou ao delírio humorístico foi o programa da RTP1, "Dança Comigo" quando a Sra. deputada Odete Santos ficou extremamente aborrecida com a charge de um elemento dos Gato fedorento que disse ter visto pela primeira vez um deputado suar. O «aqui para lá» durou o tempo suficiente para que os menos prevenidos tomassem conhecimento da grande escorregadela cometida pela Sra. deputada. Claro que ela sabe muito bem que o Gato Fedorento só disse aquilo que toda a gente também disse. O que ela pensava é que talvez não houvesse alguém que tivesse a coragem de fazer de advoggado do diabo e ter dito o óbvio. Se ela não tivesse entrado no campo dos Gato Fedorento o assunto esquecer-se-ia. Assim importantizou (este verbo está na página nº27 do livro Código 632 de José Rodrigues dos santos) o humor. Ela, seguramente, fuicou mal na fotografia.

PERFORMANCE
A Maurice Ravel e
Claude Debussy

de maurice ravel o coração bradicárdico
executa o bolero nos teus mamilos como figos maduros.
sorvo cada segundo do teu corpo. o tempo perde-se
na coincidência das coxas sedentas de sopros
com a linguagem dos frutos erógenos.
no gesto dos contrários arrepia-me a fonia
da cathédral engloutie que de sob as águas glaucas
respira la lys no sexo fremente, quente
a penetrar na vulva surrealista de dali.
acaricio as maçãs, os morangos, as cerejas
numa natureza morta, de experiência de gestos
vivos, no formigueiro dos testículos.
se tu me fazes em ti apeteço até à consumação do sumo.

josé félix

| |

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

AddMe.com, Search Engine Optimization and Submission Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com






br>


referer referrer referers referrers http_referer