<$BlogRSDUrl$>

quarta-feira, fevereiro 21, 2007










a mão descansa no xilema
de uma árvore em combustão.
o olhar que dá é o tema
da ramagem em explosão.

os lábios têm o morfema
da seiva que diz a oração
no canto belo do fonema
que cativa, guarda a paixão.

encobre na serena idade
a perpétua visão de flora
reclinada sobre a folhagem.

é clóris na maternidade
da primavera que elabora
as flores da felicidade.

anfitrite pousou a mão.

josé félix

| |

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

AddMe.com, Search Engine Optimization and Submission Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com






br>


referer referrer referers referrers http_referer