<$BlogRSDUrl$>

terça-feira, maio 08, 2007

O meu veneno

A notícia que se alimenta da própria notícia

Temos assistido, ultimamente, a uma grande desresponsabilizabilidade da Comunicação Social no aproveitamento do controlo de audições e leitura, com as notícias veiculadas pelos meios de informação. À falta de notícia, repete-se a notícia. À falta de novidade acerca da mesma notícia, alimenta-se a notícia com adjacências inócuas. Por exemplo, sobre a notícia da pequena Madeleine, desdobram-se uma série de personalidades a aventar sobre a questão engolindo o tempo preciso em televisão, nas rádios e nos jornais.
É assim que a notícia se vai transformando em monstro. Um monstro só porque é grande mas é, certamente, inofensivo devido à importância que vai perdendo junto da opinião pública originada pela repetição.
Do espanto passa-se ao desinteresse e tudo fica na mesma, senão mesmo com uma dose maior de laxismo.

josé félix

| |

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

AddMe.com, Search Engine Optimization and Submission Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com






br>


referer referrer referers referrers http_referer