<$BlogRSDUrl$>

quinta-feira, junho 07, 2007

epigrama

das amoreiras caem os casulos vazios.
uma frase de borboletas brancas
cola-se à pedra fria.

mora aqui para sempre
o corpo sem o hábito
que lhe vestiu a vida.

o caminho desfez-se
como o sapato velho pelo uso
à procura da morte.

apodrecem no chão as folhas velhas.

josé félix in palavras de pedra

| |

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

AddMe.com, Search Engine Optimization and Submission Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com






br>


referer referrer referers referrers http_referer